quarta-feira, 28 de abril de 2010

Pessoas comuns e os gênios



Ao longo dos anos sempre ouvimos falar de pessoas que marcaram seu tempo, muitas foram consideradas os gênios de sua época e até hoje usamos suas invenções, métodos, filosofias etc...
Eu realmente acredito em talento nato, em genialidade, em pessoas que fazem brincando o que pra gente é quase impossível, foi daí que comecei a pensar o quanto eu queria evoluir nas tarefas que realizo, logo, conclui que não faço parte do time dos gênios, como se fosse novidade!
Mas chegar a essa conclusão não foi ruim, foi revelador porque me fez ver o que eu preciso para conseguir meus objetivos, calma que eu já explico melhor, foi pensando sobre os gênios que eu pude classificar a humanidade, e que fique claro, esses são meus pontos de vista, ainda que absurdos, são "teorias da Bruna", que são iguais a ilustrações 3D, tem gente que vê a figura e tem gente que só vê o borrão, tomara que você me entenda! Mas voltando ao raciocínio, eu classifico as pessoas em dois grupos: os gênios, que são pessoas brilhantes, eloquentes e extremamente sortudas; e o grupo ao qual eu pertenço: as pessoas comuns, que são pessoas que trabalham feito peão, se esforçam e ainda continuam na média. 
Agora que você já conhece os dois grupos vamos explanar melhor sobre esse assunto, nós do grupo de pessoas comuns temos uma carta na manga, somos nós que provemos aos gênios os seus cargos de gênios, sem nós eles nunca se destacariam, fora isso, ser uma pessoa comum não é um carma, com esforço, e quando eu digo esforço, eu quero dizer muito esforço mesmo, nós conseguimos nos superar e alcançar os gênios.
Os japoneses nos mostram essa lição o tempo todo, para eles deve ser cultura ser determinado, terminar o que começou e chegar ao objetivo, não são como a Sandy (grupo dos gênios) que é filha de cantor, nasceu ouvindo música, sempre foi estimulada a cantar e quando ainda era uma fedelha já conquistava o Brasil cantando Maria Chiquinha. Eu não conheço muito a cultura do Japão, mas ao que me parece, para eles, alcançar um objetivo é questão de honra, tanto que a gente sempre ouve: " enquanto você tá na jogando futebol, tem um japonês estudando." e isso vale pra qualquer outra situação, eu sempre ouço!
Isso é fato e vale para qualquer um: se houver um esforço a mais e determinação, ficamos cada vez mais próximos de uma conquista.
Agora é isso que conta pra mim, apesar de ser uma pessoa comum, vou dar o meu melhor para chegar onde eu quero e dar uma rasteira nesses gênios!

Obs: Sandy, sem ressentimentos, ok?

terça-feira, 20 de abril de 2010

Postagem do blog Graphis Estúdio


 

A Graphis é a escola de desenho onde eu trabalho, em seu blog eles disponibilizam dicas de desenho para quem gosta de desenhar ou quer começar a aprender. Eu já comentei por aqui antes sobre o blog da Graphis, quem quiser ver, ou rever esse post é só clicar no link: Blog Novo!
 Em seu último post abordaram pela primeira vez sobre a história da arte, mas falando apenas de algumas curiosidades sobre grandes artistas, que talvez você ainda não tenha ouvido falar, como o texto foi redigido por mim, vou economizar assunto por aqui e pedir que vocês acessem o link da postagem: história da arte.
É a primeira vez que me aventuro escrevendo no blog alheio, ainda por cima falando sobre história da arte! Então conto com vocês, que essa semana vocês possam me acompanhar através de lá dando os seus pitacos, porque eu adoro ouvir o que vocês tem a dizer!

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Religiosos que queimam o filme


Eu sou evangélica há 9 anos, comecei a frequentar a igreja aos 15 anos, uma idade decisiva para que eu não me tornasse uma das mais procuradas da América, já Juan Carlos Abadía não deu a mesma sorte...
Bom, resolvi  escrever sobre religião, que sabemos, é tema polêmico, porque ultimamente tenho escutado muitos deboches sobre os evangélicos, não direcionados a mim, claro, mas em conversas paralelas no ônibus, ou onde trabalho, por exemplo. E tenho que admitir que em determinados casos essas pessoas tem razão.
Eu já estive do outro lado, eu sei como é, antes dos 15 anos eu só aceitava conversar sobre religião com quem soubesse respeitar meus princípios e conceitos. Nínguém gosta de ouvir pessoas que querem te impor algo, as pessoas querem poder decidir se concordam ou não, elas podem e tem o direito de não concordar, caso contrário parece lavagem cerebral.
Existem algumas razões que fazem da religião evangélica, uma religião muito criticada e perseguida, algumas dessas razões também não me agradam. Isso se dá por causa de maus exemplos, gente ou muito ignorante ou que distorce os ideias para obter vantagens.
Vou dar um exemplo de ignorância, uma vez em um velório ouvi uma pessoa se lamentar que o morto foi pro inferno. Foi pro inferno vírgula, quem decide isso é Deus, longe de mim mandar alguém pra lá!
Eu pensava e penso ainda hoje que pessoas de outras religiões também vão pro céu, desde que saibam levar o amor de Deus a sério (seguindo o 1º e o 2º mandamento você já cumpriu a bíblia toda).
Eu conheço muitos exemplos de pessoas de outras religiões que são frequentadores de seus templos e agem da forma que acreditam agradar a Deus, assim como nós crentes e tenho certeza que Deus não despreza isso.
Ninguém, fora Deus, é dono da verdade, se as coisas fossem como certos ignorantes pensam, antes de Martinho Lutero ninguém ía pro céu. "Tá loco", eu não acho isso possível!
Eu vou aonde me identifico e me sinto bem, eu discordo sim de muitos dogmas, tradições e rituais de outras religiões, mas não acho que a minha é perfeita, perfeito só Deus.
Como vocês podem ver, é assim que sou, defendo que acho certo e ponto. Mas graças a Deus, pude me sentir a vontade por descobrir que me encaixo na igreja que frequento, onde as as pessoas não são intolerantes, lá estou satisfeita, até agora os membros com quem converso são pessoas que pensam como eu!
E pra encerrar: se alguém quiser debochar de crente que não generalize, separe o joio do trigo e que tenha muito conhecimento e certeza do que fala, caso contrário é maldade, é muito feio e Jesus não gosta! aiaiaiai!

Eu respeito a escolha dos outros, então por favor, que também respeitem a minha!
Beijo!

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Meus desenhos

Fiz um slide especialmente para mostrar que eu não só gosto de desenhos como também crio, aqui algumas amostras do que já fiz!



Um beijo a todos!
Bruna Trovão*

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Blog destaque: Babi em férias


Dando uma olhadinha nas minhas postagens anteriores, percebi que várias vezes citei alguns blogs que frequento e acho bacana, então decidi fazer um novo marcador para o blog: o BLOG DESTAQUE, para falar especialmente dos blogs que vou descobrindo, seus temas e as pessoas maravilhosas que vamos conhecendo melhor a cada post.
O primeiro blog a ser destacado será o da Babi, do divertidíssimo Babi em férias, a escolha foi pelo fato de eu adorar acompanhar o que ela escreve, mas até hoje não me lembro de citá-lo em outras publicações, os temas das postagens costumam ser piadas inteligentes e curiosidades, mas ultimamente a Babi parece mesmo estar de férias, faz um tempinho que não publica algo novo, mesmo assim lá já tem bastante conteúdo para  gastarmos um tempinho.
Foi lá que eu aprendi o que é um palíndromo, antes mesmo de assistir o professor Pasquale, se você ainda não sabe, passa lá e sobe no onibus que vai pra marrocos (vai fazer sentido depois que descobrir o que é). Também foi lá que eu li piadas de loiros e não de loiras, foram muitas as publicações de coisas que para mim eram inéditas... Enfim, a Babi arrasa!
E se você querido leitor quiser seu blog destacado por aqui só fazer como todos os autores de blogs já citados anteriormente, é fundamental interagirmos, assim terei do que falar e saberei bem do que falo!
Assinado Bruna em véspera de feriado!!!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails