segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Viver pelas regras


Somos mais primitivos do que imaginamos:
Não sei se se vocês já pensaram no quanto existem códigos implícitos aonde quer que você vá.

Na época do primário, sempre que alguém queria escolher lugar na sala ou corria feito mula desembestada, ou pedia pra um amiguinho "guardar lugar", mas o que é o guardar lugar? Quem inventou essa parada? Sabe se lá Deus como isso foi inventado, mas agora é lei!
Furar fila foi inventado consequentemente... E vai achar ruim pra ver, é execrado pela trupe de guardas mirins do código. Tem mais, se a pessoa sai e outra quiser sentar, o lugar continua guardado, são regras!

Ao pegar o ônibus você acaba descobrindo mais dessas formas de lei, onde só os fortes sobrevivem:
Ônibus vazio: se há vários bancos pra escolher, você senta no banco em que os dois assentos estão vagos, pois com lugar disponível, sentar ao lado de um estranho significa que o estranho é você!
Ônibus meio-cheio: pensando estar vazio, todos querem subir no ônibus meio-cheio, até que ele fica cheio inteiro, e sem lotar, como isso? As pessoas vão se comprimindo de pé, todas de um lado e ainda sobra passagem (1ª regra), até que alguém começa a criar uma outra fila no lado ainda vago (2ª regra), o problema disso é que as pessoas ficam, como eu chamo, " bunda-a- bunda", e impossibilitam a passagem de outras pessoas no corredor, o código nesse caso é tentar nunca ficar "bunda-a-bunda", sempre alguém sai perdendo...
Ônibus lotado: se escolheu subir nessa banheira irmão, sofra as consequências, nesse momento onde você pensa que é cada um por si e não existem mais regras... Bem, elas existem sim, depois que você já passou pela etapa do ônibus meio cheio, todo e qualquer espaço é vital, você não pode usar mochila nas costas, bolsa muito grande tem que ficar colada ao corpo e você acaba sempre espremendo alguém pra poder passar ou deixar alguém passar, o pior é que ninguém pode achar ruim, pois o corpo a corpo faz parte nesse caso.

Outra forma de agir regradamente sem que exista alguma regra é fazer as benditas filas, até mesmo quando não há necessidade de fila. A primeira vez que fiz o ENEM, vi a gigantesca fila que se formava fora do local da prova, ao chegar na entrada vi que algumas pessoas faziam parte da fila respeitando a ordem e outras simplesmente entravam no prédio, simples assim.

E por fim as regras nos blogs, nesse caso cada um tem a sua. 
Eu criei regras pra mim mesma, eu tento sempre postar semanalmente, quem comenta aqui, eu procuro sempre que possível visitar de volta e comentar também, entrou e gostou do blog, jóia, pode seguir, mas não com a intenção que eu siga de volta, vou dar uma dica, eu sigo blogs que gosto de ler e/ou que eu tenha bastante contato com o blogueiro, sem isso, sem chance!
Não sei como é por aí, mas aqui, baixei decreto!
Aqui cada um "guarda" o seu lugar, não precisa fazer fila... hahaha

17 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. adoreeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeei!!!

    mas tenho também outro exemplo como: "se eu não for, assina a lista pra mim", ai dela se não assinar! rsrsrs um dia isso vira até regra, quando um vai e o outro não, já sai assinando a lista pra sala toda! hehehe

    e é isso aê! eu já guardei meu lugar aqui viu!!! sempre que vejo um post novo lá, venho correndo ;)

    assim como o seu lugarzinho lá está reservado! adoro seus comentários!!!

    estive pensando aqui, peciso bolar uma maneira legal de divulgar o blog, quero escrever mais nele, ter mais tempo de visitar blogueiros amigos e assim, fazer o refugio bombar de comentários rsrs, masssss... o tempo aqui anda curto!!!

    - compro tempo, alguém tem pra vender aí?!?!

    beijos bruninha!!

    ResponderExcluir
  3. Hahahahahaha...
    Bru, adoro sua forma de escrever, é de cronista!!
    Você tem toda a razão no que disse e , assim como você, também mantenho firme a minha condição no blog. Sigo as pessoas com as quais me identifico, com os blogs que me interessam por alguns ou alguns motivos que para mim fazem diferença.
    Fico pasma quando tem um comentário na minha postagem, de alquem que nunva vi, pedindo pra eu seguí-la, pois ela já o está fazendo comigo.
    E daí? Quem quis me seguir foi ela...não corri atrás de seguidores.
    Sei que você me compreende(não falo em tom arrogante, pois não sou assim)...mas acho o cúmulo do interesse pedir que a gente siga blogs alheios, como se fosse estabelecida, pela pessoa que escreve, uma relação de troca: me segue, que te sigo também. Comenta, que comento também...

    Isso para mim, fica claro como é tudo um jogo de interesses e felizmente, nessa eu não entro!!!
    Tô com vc e não abro!!!

    Beijos, querida!

    ResponderExcluir
  4. Cada escrita sua é devorada pela leitura com muito prazer, tens o dom de conseguir segurar o leitor...adoro participar desse espaço...Parabéns..
    Fico feliz com sua visita em meu blog..ÉS sempre bem vinda..
    Bjs...Preciosa Maria

    ResponderExcluir
  5. hahahaha adorei bu! e e verdade mesmo, na vida existem regras para tudo mesmo que não seja visível, tem que ser respeitada! incrivel sua interpretação sobre os onibus, e a mais pura verdade! odeio aqueles onibus lotados e horrendos D:

    beeeeeeeeijos Anaa *:

    ResponderExcluir
  6. Não importa o quanto o ônibus esteja lotado, as pessoas insistem em subir. Seria isso uma regra? hahahah

    até mais.

    Jota Cê

    ResponderExcluir
  7. É isso ae menina, tem de por ordem na casa mesmo... e mais, adorei o exemplo do ônibus...
    Bjos!

    ResponderExcluir
  8. Você, como sempre, muito inteligente em seus comentários! É realmente assim que acontece e me inspiro nessas loucuras do dia-a-dia pra escrever minahs hqs tb. Bjão.

    ResponderExcluir
  9. OPASKAPOSPAKSPOPK'
    É verdade sempre quando entro no onibus nunca sento aonde tem gente, sei lá é... estranho.
    aospakspok'
    beijos

    ResponderExcluir
  10. Meus parabéns! Seus comentários são ótimos e essa história do ônibus, vou te contar, me perdoe a expressão da palavra, mas é "foda"!

    Aqui na cidade temos que ficar enfrentando filas enormes nos terminais para pegar um ônibus que só passa de uma em uma horas. Pra variar, quando o dito cujo chega, tem todo aquele tumulto e tem que gente que entra até pela janela só pra ver se garante seu lugarzinho sentado. Eles não respeitam nem os deficientes e nem os idosos... e saem levado todo mundo na frente. caracas!

    ResponderExcluir
  11. nem me fale em ônibus, quase todos os dias pego os lotados e tenho minha regras lá também... bj

    ResponderExcluir
  12. As minhas regras de blog são praticamente as mesmas!
    Retribuo visitas, comentários e sigo, mas tudo isso se gostar do conteúdo também! ;)
    Só não tenho uma regra para postagem, procuro atualizar 3x por semana, mas acho meio desnecessário ultimamente, pq é muito trabalho pra pouco retorno (ler quase nenhum retorno).
    Vou começar a limitar 2 postagens por semana pra ver se rende mais.
    Uma coisa que noto aqui no seu blog, é que ele recebe muitos comentários sempre! Gostaria que no meu rolasse isso também. Pois, já que dinheiro que é bom não rola com desenhos, pelo menos opiniões e elogios ajudam a seguir em frente! rs
    Obrigado por visitar sempre o meu! ;D

    ResponderExcluir
  13. Bruna,

    São tantas regras pra tantas coisas que não sei mais o que seja libertador.

    Beijo imenso, menina linda.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  14. Guardaram meu lugar no último bonde que saía da Lapa, mas cheguei atrasado.

    ResponderExcluir
  15. Gostei deste post e concordo plenamente...

    ResponderExcluir
  16. Taí...Nunca pensei nesse lance do 'onibus vazio'...Kkkk!
    Qto ao ônibus cheio, tenho uma dica (pura experiência): Se sabe que o horario que vai pegar é lotação, vá de tênis e se possível nem leve bolsa. Evita quedas e trombadas com uma cabeça alheia que não tem nada a ver com sua mega bolsa nova.

    ** Primeira vez que passo por aqui, retribuindo ao tempinho perdido visitando e comentando meu blog no meu...
    Adorei o espaço, principalmente a idéia das respostas as perguntas dos leitores.Deveria fazer isso...sou psicóloga oficial da galera...rs.

    Estarei te seguindo e acompanhando as novidades.Te espero no meu blog sempre!

    Grd bjo!

    ResponderExcluir
  17. Eu odeio as filas, só pego uma quando não tem mais jeito.
    E nesse mundo é assim mesmo, pra tudo tem que ter regra! Não importa o que for, e mesmo sem querer nós criamos regras, por isso é inevitável!
    Obrigado por acompanhar o Mídia e Ecologia.com e comentar de vez em quando meus artigos, já acompanho o Maluquet na Net e sempre que puder irei divulga-lo!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails